Bordeaux ganha Cidade do Vinho

Bordeaux ganha Cidade do Vinho

Mais um motivo para visitar Bordeaux, na França. Já está aberta ao público a nova Cidade do Vinho, misto de museu e parque temático, a mais nova atração da cidade. O prédio de linhas modernas, futuristas, à beira do rio Garonne, é um grande espaço de lazer dedicado ao vinho enquanto patrimônio cultural e vivo da humanidade. Oferece a possibilidade de uma viagem virtual ao redor do mundo vinícola, passando por todas as civilizações e principais países produtores. A Cidade do Vinho foi construída por iniciativa da Prefeitura de Bordeaux, em parceria com o governo francês, Comunidade Europeia e associações empresariais.

O edifício em si, entregue oficialmente nesta quarta-feira, 1º de Junho, é um espetáculo à parte. De linhas arredondadas, visto de longe lembra para alguns uma cepa nodosa dos vinhedos velhos; para outros, parece vinho sendo despejado em uma taça. São 13.350 m² divididos em 10 níveis, da entrada à ponta da torre, cada um dedicado a uma proposta diferente. O térreo, por exemplo, abriga, entre outras coisas, uma cave-biblioteca com cerca de 10 mil garrafas de vinho de 88 países – que podem ser provados ou comprados ali mesmo.

Nos outros andares é possível percorrer virtualmente as grandes regiões vinícolas do planeta, conhecer os principais terroirs, acompanhar a história da vinha e do vinho, aprender mais sobre os processos de vinificação, enfim tudo o que se refere a esta bebida que acompanha o homem desde os primórdios. E saber também das tendências para o futuro. Há também restaurantes, espaço para atividades culturais, exposições, provas e eventos. Do Belvedere tem-se uma visão de 360º da cidade de Bordeaux, do Garonne e dos vinhedos circundantes.

A ideia da Cité du Vin de Bordeaux nasceu em 2009, sendo indicada para sua localização a área ocupada antes pelas antigas forjas do grande porto marítimo da cidade, em uma ilhota entre as eclusas e o rio. O projeto arquitetônico foi escolhido em concurso internacional, vencido pelo escritório francês X-TU, associado à agência inglesa de cenografia Casson Mann. A construção começou em 2013 e terminou no início deste ano. No total, foram gastos 81 milhões de euros (R$ 324 milhões). Por suas formas arredondadas, o edifício parece flutuar na paisagem. A estrutura é recoberta por mais de 900 painéis de vidro de três cores diferentes e por 2.300 painéis de alumínio de tamanhos variados.

A Cidade do Vinho é administrada pela Fundação para a Cultura e Civilizações do Vinho, com atuação independente. Abre todos os dias, das 9h30 às 19h30. O ingresso custa 20 euros (R$ 80) e dá direito também a provar uma taça de vinho no Belvedere. Para quem gosta de vinho, a visita é um programa que tem tudo para agradar.

 

La Cité du vin

134-150 quai de Bacalan

33000 Bordeaux

Tel.: 05 56 16 20 20

www.laciteduvin.com


Tags assigned to this article:
A Cidade do VinhoBordeauxFrança

Related Articles

O Beaujolais Nouveau 2017 chega dia 16 de novembro

Como acontece todos os anos, a chegada do Beaujolais Nouveau, o primeiro vinho da safra na França, será comemorada com

Entrevista Antonio Menéndez – Diretor geral da Vega Sicilia

Antonio Menéndez entrou em 2015 na Vega Sicilia como diretor geral. Responde também pela parte comercial e marketing de todo

Almaviva 2014, à altura dos melhores

  A mais recente safra de um dos grandes ícones do Chile, o Almaviva 2014, vai chegar ao mercado no

No comments

Write a comment
No Comments Yet! You can be first to comment this post!

Write a Comment

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*