Bordeaux ganha Cidade do Vinho

Bordeaux ganha Cidade do Vinho

Mais um motivo para visitar Bordeaux, na França. Já está aberta ao público a nova Cidade do Vinho, misto de museu e parque temático, a mais nova atração da cidade. O prédio de linhas modernas, futuristas, à beira do rio Garonne, é um grande espaço de lazer dedicado ao vinho enquanto patrimônio cultural e vivo da humanidade. Oferece a possibilidade de uma viagem virtual ao redor do mundo vinícola, passando por todas as civilizações e principais países produtores. A Cidade do Vinho foi construída por iniciativa da Prefeitura de Bordeaux, em parceria com o governo francês, Comunidade Europeia e associações empresariais.

O edifício em si, entregue oficialmente nesta quarta-feira, 1º de Junho, é um espetáculo à parte. De linhas arredondadas, visto de longe lembra para alguns uma cepa nodosa dos vinhedos velhos; para outros, parece vinho sendo despejado em uma taça. São 13.350 m² divididos em 10 níveis, da entrada à ponta da torre, cada um dedicado a uma proposta diferente. O térreo, por exemplo, abriga, entre outras coisas, uma cave-biblioteca com cerca de 10 mil garrafas de vinho de 88 países – que podem ser provados ou comprados ali mesmo.

Nos outros andares é possível percorrer virtualmente as grandes regiões vinícolas do planeta, conhecer os principais terroirs, acompanhar a história da vinha e do vinho, aprender mais sobre os processos de vinificação, enfim tudo o que se refere a esta bebida que acompanha o homem desde os primórdios. E saber também das tendências para o futuro. Há também restaurantes, espaço para atividades culturais, exposições, provas e eventos. Do Belvedere tem-se uma visão de 360º da cidade de Bordeaux, do Garonne e dos vinhedos circundantes.

A ideia da Cité du Vin de Bordeaux nasceu em 2009, sendo indicada para sua localização a área ocupada antes pelas antigas forjas do grande porto marítimo da cidade, em uma ilhota entre as eclusas e o rio. O projeto arquitetônico foi escolhido em concurso internacional, vencido pelo escritório francês X-TU, associado à agência inglesa de cenografia Casson Mann. A construção começou em 2013 e terminou no início deste ano. No total, foram gastos 81 milhões de euros (R$ 324 milhões). Por suas formas arredondadas, o edifício parece flutuar na paisagem. A estrutura é recoberta por mais de 900 painéis de vidro de três cores diferentes e por 2.300 painéis de alumínio de tamanhos variados.

A Cidade do Vinho é administrada pela Fundação para a Cultura e Civilizações do Vinho, com atuação independente. Abre todos os dias, das 9h30 às 19h30. O ingresso custa 20 euros (R$ 80) e dá direito também a provar uma taça de vinho no Belvedere. Para quem gosta de vinho, a visita é um programa que tem tudo para agradar.

 

La Cité du vin

134-150 quai de Bacalan

33000 Bordeaux

Tel.: 05 56 16 20 20

www.laciteduvin.com


Tags assigned to this article:
A Cidade do VinhoBordeauxFrança

Related Articles

Quinta do Vallado apresenta novas safras de seus grandes vinhos

Tradição e modernidade. Estas duas palavras traduzem bem a Quinta do Vallado, uma das vinícolas mais prestigiadas do Douro, em

Evento da Cantu traz novidades da Itália, Argentina e de outros países

A importadora Cantu, paranaense de origem, mas hoje com forte presença em São Paulo, realizou aqui na semana passada seu

As várias Carmenère do Chile

Para lembrar os 22 anos da redescoberta da Carmenère no Chile, ocorrida em suas terras, a Viña Carmen organizou dias

No comments

Write a comment
No Comments Yet! You can be first to comment this post!

Write a Comment

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*