Viu Manent Clasico Carmenère

Viu Manent Clasico Carmenère

A Viu Manent faz história em Colchagua

A Viu Manent é uma das melhores vinícolas do Chile e referência no Valle de Colchagua, onde produz vinhos há mais de 50 anos. A família é de origem catalã. Em 1935, o imigrante espanhol Miguel Viu Garcia fundou em Santiago do Chile a Adegas Viu, para comercializar vinhos no mercado local. Em 1966, seu filho Miguel Viu Manent resolveu produzir o próprio vinho e comprou em Colchagua a histórica Hacienda San Carlos de Cunaco, que contava com instalações e 150 hectares de vinhedos centenários.

A vinícola cresceu e se consolidou. Nos anos 1990 os filhos de Miguel e Bruna começaram a trabalhar na empresa. Hoje, sob o comando de José Miguel Viu, o filho mais velho, a Viu Manent produz ícones, como os tintos Viu 1 e El Incidente, uma gama completa de varietais e os alegres e interessantes tintos e brancos da linha Secreto. São distribuídos no Brasil pela importadora gaúcha Hannover. Muitos supermercados também oferecem as versões mais simples da vinícola chilena, vinhos de preço acessível e boa qualidade.

 

Viu Manent Clasico Carmenère 2016

Viu Manent – Colchagua – Chile – R$ 39 – Nota 87

A cor rubi escuro, densa, faz pensar em um tinto mais encorpado do que é na realidade. A Carmenère, uva de origem francesa que hoje praticamente só existe no Chile, tem essa característica. O Clasico é um vinho jovem, feito para se beber jovem. Sem pretensões, é um tanto rústico, mas não se assuste, é bem fácil de beber. Nos aromas e na boca mostra notas florais e algum vegetal, típico da variedade. Não é daqueles vinhos que permanecem muito tempo na boca. Enquanto fica, apresenta taninos que não agarram na língua e tem bom frescor. Vai bem com a comida do dia a dia (13%). É encontrado em diversos supermercados do Sul, de São Paulo e do Rio de Janeiro.

 


Tags assigned to this article:
CarmenèrechileColchaguaViu Manent

Related Articles

Vinhos Verdes melhoram padrão de qualidade

Os Vinhos Verdes ficaram mais conhecidos no Brasil pelo estilo tradicional apreciado desde os tempos dos nossos avós. São brancos

Nova Zelândia comemora o Dia Internacional da Sauvignon Blanc

Nesta sexta-feira, 3 de Maio, em muitos países se comemora o Dia Internacional da Sauvignon Blanc. A casta é originária

Safra 2018 já é considerada a melhor dos últimos anos no Brasil

“A safra 2018 para a Miolo ficará na história”, diz o enólogo Adriano Miolo. “Esta safra está se tornando espetacular,

No comments

Write a comment
No Comments Yet! You can be first to comment this post!

Write a Comment

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*