Salton comemora 106 anos

Salton comemora 106 anos

Renovada e com novos produtos, a vinícola gaúcha Salton, uma das mais importantes do país, está comemorando 106 anos de existência. Para marcar a data, realizou esta semana em São Paulo evento especial que teve como ponto alto uma degustação de safras antigas de 10 de seus vinhos, com idades entre 7 e 17 anos. A prova confirmou que o vinho brasileiro bem feito pode melhorar e evoluir com a guarda. Foram avaliados os brancos Salton Classic Riesling 2009, o Classic Gewürztraminer 2000 e o Classic Chardonnay; e os tintos Classic Cabernet Sauvignon 2004, Classic Tannat 2005, Salton Desejo 2005 e 2006 e o Talento 2005 e 2002. Todos amaciados pelo tempo, mas ainda com fruta, acidez e vivacidade.salton-antigos

Atualmente a Salton, criada em 1910, está presente nas principais zonas vinícolas do Rio Grande do Sul, ou seja, Serra Gaúcha, Serra do Sudeste, Campos de Cima da Serra e Campanha. Nessas áreas possui 850 hectares de terras, sendo 200 ha ocupados por vinhedos. Também tem muitas parcerias com pequenos agricultores, de quem compra as uvas. O projeto mais novo é o de Santana do Livramento, na região da Campanha, fronteira com o Uruguai, onde a Salton comprou 650 hectares de terras, implantou vinhedos e construiu uma adega para processar as uvas próprias e de parceiros. No total, a casa produz 25 milhões de litros de vinho por ano.

salton-chasA Salton busca expandir e diversificar os produtos que vende. Para explorar a utilização da matéria-prima que produz, acaba de lançar o Grape Tea Salton, uma linha de chás naturais misturados com suco de uva. Quem desenvolveu o projeto foi o jovem enólogo Gregório Salton. Há quatro versões. Duas são de baixas calorias, isto é, o açúcar residual não passa de 10 gr/litro: Branco com Lichia e suco de Moscato; Verde com Limão Siciliano, Erva-cidreira e Moscato. As outras duas, a partir de chá preto, são para aqueles que apreciam bebidas mais doces, com 80 gr. de açúcar por litro: Preto com Tangerina e Moscato e Preto com Frutas Vermelhas e Merlot. Recentemente, a empresa também ampliou sua área de destilados, passando a oferecer a vodka Vorus.

A vinícola é comandada por Daniel Salton, da terceira geração da família, agora com a participação de integrantes da quarta geração, entre eles Luciana Salton, diretora executiva e sua irmã Stella; Luciano Salton, responsável pela enologia; Maurício Salton, no setor de operações. Além de integrantes do clã Salton, a empresa adotou a governança corporativa e profissionalizou a gestão.

No evento de São Paulo foram apresentados os novos responsáveis por outras áreas. Maurício Copat (filho do enólogo Lucindo Copat, que se aposentou) coordena o departamento agrícola e os serviços de campo; Cleber Slaifer é o diretor comercial; Marcos Paulo Flamia é o novo diretor industrial júnior; Marcelo Cavalet Lucchese assumiu como diretor administrativo júnior.


Tags assigned to this article:
BrasilSaltonSerra Gaúcha

Related Articles

Santa Julia Reserva Cabernet Sauvignon 2015

Santa Julia Reserva Cabernet Sauvignon 2015 Familia Zuccardi – Mendoza – Argentina – Pão de Açúcar – R$ 59,90 –

Vinhos da premiada vinícola chilena Casa Marín voltam ao Brasil

Depois de alguns anos sem presença regular no mercado brasileiro, os rótulos da Casa Marín, de San Antonio, no Chile,

Quinta do Crasto Vinha Maria Teresa 2001, joia rara do Douro

Poucas regiões vinícolas do mundo têm este privilégio e o Douro, em Portugal, é uma delas. Ainda mantém vinhas velhas,

No comments

Write a comment
No Comments Yet! You can be first to comment this post!

Write a Comment

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*